Siga-nos nas redes

Cultura

Casa das Artes é palco de estágio para quase de 90 jovens músicos

Publicado

em

Arrancou esta segunda-feira a quarta edição da Jovem Orquestra de Famalicão (JOF), um estágio de orquestra que vai realizar dois concertos na Casa das Artes de Famalicão nos dias 2 e 3 de setembro. Este ano são quase 90 os jovens instrumentistas que compõem a orquestra, sob a direção artística do maestro José Eduardo Gomes.

Este estágio de orquestra sinfónica de curta duração promovido pela Casa das Artes ao longo desta semana e vai apresentar “Sem pedras não há arco” de Ângela da Ponte e a Sinfonia nº 1 de Gustav Mahler, em dois espetáculos com entrada é livre, mediante levantamento prévio de bilhete.

O número de vagas subiu, este ano, de 79 para 87 participantes, sendo distribuídas pelos instrumentos de cordas (26 violinos; 10 violas; 8 violoncelos; 6 contrabaixos); sopro (4 flautas; 4 oboés; 4 clarinetes; 3 fagotes; 7 trompas; 4 trompetes; 2 trombones tenor; 1 trombone baixo, 1 tuba e 1 harpa) e 6 instrumentos de percussão. Puderam candidatar-se jovens instrumentistas oriundos do concelho e/ou com formação pré-universitária em Famalicão.

Aliás, este Estágio JOF procura responder à existência em Famalicão de um forte ecossistema cultural associado ao ensino artístico especializado e ao ensino profissional de música, composto pelas seguintes entidades: CCM – Centro de Cultura Musical, ArtEduca – Conservatório de Música Famalicão e ARTAVE – Escola Profissional Artística do Vale do Ave.

Muitos destes alunos do concelho têm prosseguido estudos e carreiras profissionais por outras instituições em Portugal e por toda a Europa. O Estágio JOF procura valorizar estes jovens músicos, em formação e em atividade profissional em Portugal e no estrangeiro, promovendo o diálogo intercultural entre Famalicão e a sua Diáspora, estabelecendo pontes entre o ensino artístico proporcionado na região e o ensino superior.

Simultaneamente, procura sensibilizar a comunidade famalicense para a música clássica, em particular para o repertório orquestral.

PARTILHE ESTE ARTIGO:

Subscrever grátis

rádio e televisão em direto

ARTIGOS RECENTES

ARQUIVO DE NOTÍCIAS

Mais vistos