Siga o OP nas redes

Desporto

Mário Jorge: “Vamos tentar a manutenção o mais cedo possível”

Publicado

em

Após uma época passada na Divisão de Honra da Associação de Futebol de Braga, a Associação Desportiva (AD) Ninense voltou à Pro-Nacional. Mário Jorge vai para o segundo ano consecutivo ao leme da equipa e, em entrevista ao OPINIÃO SPORT, apontou para a manutenção. “Tentar a manutenção mais cedo possível. Não podemos ter outra intenção. É um regresso”, começou por dizer.

Com um desenho competitivo bem diferente, o técnico não escondeu as dificuldades que a sua equipa vai passar. “A realidade é muito difícil, para nós. Não vai ser fácil. Temos de ser muito fortes para conseguir logo na primeira fase”, apontou.

Este ano, a AD Ninense está a apostar juventude, mas sem descorar a experiência. Para Mário Jorge a conjunção desses dois fatores “é crucial”. “Temos um plantel extremamente jovem. Os jogadores jovens têm qualidade e um futuro interessante”, referiu, antes de mostrar a confiança no grupo de trabalho. “Estou muito confiante no plantel, mas falta sempre o fator irreverência e experiência em alguns casos”, confessou.

Apesar de ter um plantel do seu agrado, o treinador não escondeu o desejo de ainda contar com mais jogadores. “Gostava de puder contar com mais alguém, mas a nossa realidade está muito difícil. Temos posições difíceis de colmatar, comparando com a época passada”, justificou. Contudo, mais uma vez, Mário Jorge apontou para a juventude. “Tínhamos jogadores de muita experiência e vamos esperar que a juventude nos ajude. Há muito a aproveitar, naquilo que diz respeito à juventude e é isso que vamos tentar”, completou.

A AD Ninense ficou colocada na Série A. Para o treinador do emblema ninense, o agrupamento onde a equipa ficou colocada tem “características diferentes da outra série”. “Sempre estive ligado às equipas que jogam mais a Série B do que a A. Tenho algum desconhecimento de algumas equipas e tenho rapidamente de apurar a realidade”, revelou, negando classificar a Série A como mais fraca. “Nunca direi que uma série é mais forte que a outra. Um jogo de futebol é sempre um jogo de futebol”, completou.

O treinador está sempre atento à formação e a prova disso é a integração de três juniores no plantel sénior. “Fazem parte do nosso plantel e se tiverem de ser opção, vão ser porque têm qualidade”, referindo-se aos jogadores que subiram de escalão.

PARTILHE ESTE ARTIGO:

FAMA TV

FAMA RÁDIO

ARTIGOS RECENTES

ARQUIVO

OP NAS REDES

anuncie neste espaço > ligue +351252308147