Siga-nos nas redes

Cultura

Teatro: Fértil apresenta “Hiena” na Casa das Artes de Famalicão

Publicado

em

O aproveitamento da catástrofe através da caridade é o mote da nova peça de teatro da companhia famalicense Fértil Cultural, que sobe ao palco da Casa das Artes, este fim de semana, de 20 a 22 de janeiro.

O ponto de partida para esta peça surgiu durante uma viagem de carro onde, aquando as notícias da rádio, Rui Leitão, codiretor da Fértil Cultural e encenador da peça, ouve os casos de corrupção e de enriquecimento ilícito e fraude a partir de movimentos de caridade no pós-incêndios de Pedrógão Grande. É aí que surge a ideia das hienas, um animal reconhecido pela sua capacidade de sobrevivência e pela ingestão de alimentos difíceis.
A convite da Fértil Cultural, Regina Guimarães pegou no tema e escreveu “Hiena”.

Segundo o encenador, a ideia do espetáculo “passa por dar uma noção de conflito interno de como uma pessoa desesperada pelo dinheiro é capaz de tudo, até de ver na desgraça de outros a solução e de como isso é tão bem aceite que consegue ter aliados que acompanhem as suas ideias e que possam atacar em grupo”.

O espetáculo põe o público em constante tensão à volta da própria Hiena, num cenário provocador de dúvidas construído por Sandra Neves. Até onde é que poderá esta empresária, personagem interpretada por Neusa Fangueiro, lucrar ilicitamente enquanto desenvolve um projeto de ajuda humanitária? Na realidade, ela pretende contribuir para o bem-estar da população afetada pela catástrofe, mesmo que desviando parte das receitas obtidas para colmatar as suas dívidas. Será assim tão má? É a questão que se coloca.
Um espetáculo que certamente irá gerar frenesim na opinião pública e que sobe ao palco com três sessões, esta quinta, sexta e sábado, às 21h30. A entrada custa seis euros, reduzindo para metade para estudantes, portadores do Cartão Quadrilátero Cultural e seniores.

PARTILHE ESTE ARTIGO:

FAMA TV

FAMA RÁDIO

ARTIGOS RECENTES

ARQUIVO

OP NAS REDES