Siga o OP nas redes

Famalicão

Miguel Matos anuncia candidatura à Câmara de Famalicão

Publicado

em

Militante do PSD, consultor de Gestão e Desenvolvimento de Negócios, Miguel Matos apresentou, na passada segunda-feira, a sua disponibilidade para avançar com uma candidatura à Câmara Municipal de Famalicão nas eleições autárquicas deste ano, afirmando que não se revê na atual gestão do presidente Paulo Cunha.

Miguel Matos não esconde que é militante do partido do atual edil, que já tem o aval da direção nacional do PSD para se recandidatar, se o desejar. E, apesar de afirmar que é na qualidade de militante social-democrata que avança com a candidatura, também diz que não está à espera “do apoio formal do PSD ou de qualquer outro partido para avançar”.

“Não o faço por qualquer partido, não consultei nenhum órgão local, distrital ou nacional para tomar esta decisão”, afirmou Miguel Matos, aos jornalistas, numa conferência de imprensa que decorreu online.

Para Miguel Matos, “quem vota são as pessoas” e é “para elas e por elas” que avança para a corrida à liderança da Câmara Municipal, após ter construído, ao longo da sua vida, aquelas que considera ser “as condições necessária para que uma pessoa tenha capacidades, competências e know-how necessário para liderar os destinos de uma comunidade na qual se insere”.

“Juntamente com uma equipa por mim escolhida, encabeçarei uma candidatura ao executivo. Faço-o na convicção plena de que tenho uma visão de curto, médio e longo prazo para este concelho, que julgo ser a melhor em função daquilo que analiso”, afirma ainda o agora candidato, de 51 anos e natural de Lousado.

Questionado sobre que visão é essa que tem para o concelho, Miguel Matos não quis adiantar muito mais, referindo apenas que está a “decorrer a elaboração do seu manifesto eleitoral, que será apresentado no momento da campanha eleitoral”.

De qualquer forma, garante estar preparado porque diz ser “financeiramente independente” e que quer “elevar a política áquilo que ela deve ser: a arte maior”. “Uma arte nobre, ao serviço de todos”, acrescenta, ao mesmo tempo que afirma que “já chega de ter um profissional da política a liderara a Câmara Municipal”.

Miguel Matos foi auditor de Perícia Contabilística e Financeira da Polícia Judiciária, entre 1997 e 1999, e sócio-fundador e presidente da direção do Ténis Clube de Famalicão, entre 2008 e 2016. É autor do livro “Seja Livre Sendo Dono de Um Negócio”, publicado em Portugal em 2017, pela editora Vida Económica, e no Brasil em 2018.

Está inscrito como militante na Concelhia de Famalicão do PSD.  Apoiou Rui Rio nas últimas eleições internas para a liderança do partido.

PARTILHE ESTE ARTIGO:

FAMA TV

FAMA RÁDIO

ARTIGOS RECENTES

ARQUIVO

OP NAS REDES

anuncie neste espaço > ligue +351252308147