Siga-nos nas redes

Famalicão

Jorge Paulo Oliveira sensibiliza governo para o projeto famalicense “Cuidar Maior”

Publicado

em

O deputado famalicense Jorge Paulo Oliveira destacou, na Assembleia da república, o “trabalho exemplar” do projeto do Centro Social e Paroquial de Requião, “Cuidar Maior”, no domínio da intervenção e de apoio aos Cuidadores Informais e pediu desburocratização dos procedimentos na Segurança Social.

O deputado do PSD, que falava esta sexta-feira, no âmbito da audição do Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, em sede de debate do Orçamento do Estado para 2022, destacou que o “Cuidar Maior”, projeto que arrancou em janeiro de 2020, foi pioneiro no domínio da intervenção e de apoio aos Cuidadores Informais e “replicado em vários outros pontos do país, lamentando que 6 meses depois desse mesmo ano, o Governo tenha excluído “injustificadamente” Famalicão dos territórios selecionados para a implementação dos projetos-piloto.

 “Conheço bem o trabalho desta associação exemplar no país, muito marcado pela proximidade à comunidade, muito marcado pela ambição de alargar cada vez mais o âmbito da sua atuação, uma associação que já sinalizou e acompanha mais de uma centena de cuidadores informais. Sei bem das suas dificuldades que, por certo, não diferem das dificuldades das muitas outras associações que, felizmente, o país dispõe neste domínio e há dificuldades que são difíceis de aceitar”, disse Jorge Paulo Oliveira, dirigindo-se ao Secretário de Estado da Segurança Social.

“Uma delas prende-se com a teia burocrática associada aos procedimentos administrativos em torno do Estatuto do Cuidador Informal. Há quem fale de uma via-sacra. Acredite que não há qualquer exagero. Pedir que estes processos sejam desburocratizados, que sejam simplificados, não é pedir muito, mas é exatamente esse o pedido de associações, como a Cuidar Maior, e também esse o apelo que aqui deixo”, acrescentou.

Recorde-se que o “Cuidar Maior”, está atualmente a desenvolver um novo projeto financiado pelo Programa de Parceria para o Impacto, com novos ou renovados parceiros, que permitirá alargar o âmbito da sua atuação a todos os Cuidadores do Município de Famalicão.

PARTILHE ESTE ARTIGO:

FAMA TV

FAMA RÁDIO

ARTIGOS RECENTES

ARQUIVO

OP NAS REDES