Siga-nos nas redes

Famalicão

Municípios de Famalicão e Trofa unem-se para reabilitação das margens do Rio Ave

Publicado

em

Os Municípios de Famalicão e da Trofa vão celebrar um protocolo de colaboração para a elaboração do programa estratégico de recuperação e valorização das margens do Rio Ave.

Na reunião de Câmara desta quarta-feira, o presidente da Câmara de Famalicão, Paulo Cunha, salientou que o rio não deve ser um elemento de separação, mas sim de união entre os dois concelhos. Estão, neste momento, a ser realizados estudos sobre as áreas que se preveem intervencionadas e deverá ser realizada uma candidatura a fundos comunitários.

Relativamente à ponte da Lagoncinha, na freguesia de Lousado, o edil famalicense sublinha que a infraestrutura é “património nacional e, por isso, reclama não só atenção municipal, como também diligências da estrutura nacional, nomeadamente da tutela em matéria de património e de cultura”.

O autarca explica que a ponte da Lagoncinha é, não só um monumento, como também uma importante travessia automóvel para os habitantes de Famalicão, Trofa e Santo Tirso, e, por esse motivo, devem ser encontradas alternativas.

Paulo Cunha sublinha que a proteção e valorização devida da ponte só acontecerá quando esta se tornar meramente pedonal. “É necessário uma intervenção do Ministérios das Infraestruturas, que já há muitos anos é reclamada. A solução é viável e passa pela construção de um tabuleiro alternativo, um aponte nova mais a montante ou mais a jusante, que sirva os três concelhos”, acrescentou.

PARTILHE ESTE ARTIGO:

FAMA TV

FAMA RÁDIO

ARTIGOS RECENTES

ARQUIVO

OP NAS REDES